Conceito

Um ensina ao outro. Trabalho familiar, parte da educação, trabalho físico e psíquico, proporciona melhoramentos na saúde

O fundamento e conceito base deste Sistema está em proporcionar aos seus praticantes a possibilidade de transmitir os seus conhecimentos. De um amigo para outro, de uma mãe para um filho, de um aluno para o seu professor, de um avô para um neto, consistindo no fundo em conseguir uma entre ajuda e um ensino de uns para os outros.

O SMD é uma actividade realizada em família, onde todos podem se auxiliar na aprendizagem, deve fazer parte da educação que os pais incutem nos seus filhos, com o objectivo de lhes proporcionar um maior bem-estar, um aumento da auto confiança, da auto disciplina e determinação, melhorando assim o seu crescimento e ao mesmo tempo fazer com que aumente as hipóteses de sucesso na vida da criança ou adolescente. O facto de praticar a actividade em família criará uma maior ligação e compreensão entre ambos. Desta maneira poderemos contrariar a actual tendência dos jovens em estar constantemente fechados em casa em frente à televisão ou computador, situações estas que provocam o afastamento no seio familiar e causa problemas graves de saúde (obesidade, visão, etc.).

A prática do Sistema visa também melhorar a parte física, a saber: resistência, força, agilidade, rapidez, obtendo assim grandes melhorias na sua saúde. Permite desenvolver a parte psíquica do praticante, alcançando grandes capacidades de integração em grupos sociais, atitudes respeitadores com tudo que o envolve, apreendendo a respeitar para ser respeitado. A disciplina que irá absorver vai permitir que nunca baixe os braços na adversidade e nas desilusões, sabendo tirar o melhor partido de todas as situações, aproveitando sempre o melhor.

Trabalho com Forças de Segurança, Criminologistas, Psicólogos, Sociólogos, Assistentes Sociais, Professores, Nutricionistas, Estado.

Há um grande trabalho com diversos profissionais de distintas áreas que contribuem para a formação dos praticantes, profissionais esses que poderão ser instrutores/conselheiros numa área e instruendos noutra. Tomando como exemplo um praticante do SMD Licenciado em Psicologia: será o apoio dos outros praticantes nessa matéria, mas também poderá ser instruendo de um praticante Licenciado em Dietética e Nutrição sendo este que indicará o caminho a seguir na sua especialidade, fazendo sempre uma interligação entre todos os praticantes, sendo cada um o apoio e complemento do outro.

Todos os praticantes vítimas de agressões, violência doméstica ou outros incidentes, com todo o apoio do SMD, se sentirem preparados e assim o desejarem, serão encaminhados para organismos que lhe prestaram todo o auxílio necessário. (Fazer um ponto que explica em detalhe)

Simples e eficiente sem acrobacias utilizando a força e peso do adversário (ADV).

No SMD procura-se, numa primeira fase, trabalhar todos os golpes que sejam simples de aprender e eficazes em situações de confrontos reais, mesmo para os praticantes mais experientes. Evita-se a utilização de golpes acrobáticos, assegurando sempre o sucesso da técnica.

A força, a raiva e precipitação do ADV são nossas aliadas, aproveitámos a sua força e peso corporal nas técnicas ministradas.

Sistema que permite se defender independentemente do sexo, idade ou tamanho, tanto de quem se defende como de quem ataca.

Porque parte do SMD é concebido para ser praticado em família, não existe idade para iniciar nem para terminar. Vocacionado para a defesa pessoal o Sistema é indicado para todo tipo de pessoas que queira desenvolver a sua perícia técnica, condição e aspecto físico, melhorar a sua postura perante a sociedade e libertar a sua mente dos problemas que os impedem de avançar na vida, deixar para sempre para trás o papel de vítima e passar actuar no papel principal.

Os pormenores das técnicas adaptam-se ao praticante, nunca o contrário.

Nem todos os praticantes adaptam-se a todas as técnicas, por esse facto, todos os instrutores estão sensibilizados e formados para adaptar a técnica ao praticante. Por outro lado nem todos ADV’s reagem da mesma maneira aos diferentes golpes/técnicas aplicadas pelos praticantes. Neste sentido todo praticante do SMD está preparado para fazer uma correcta avaliação antes e durante todo o confronto, adaptando-se sempre em relação ao ADV.

Situações reais.

Todo o treino é baseado em situações reais, permitindo assim uma evolução constante do Sistema.

Treinos para vítimas de violência doméstica, professores agredidos, carjacking, jovens vítimas de bullying, idosos assaltados e todas as situações de violência às quais os nossos cidadãos estão expostos.

Os praticantes são confrontados com situações de agressões de um indivíduo ou de um grupo.

Recriamos as situações nos locais de treino e posteriormente em locais reais, para assimilarmos os espaços e quais os objectos que podemos utilizar.

Treino para profissões de Segurança, Militares, de 1ª Intervenção e de riscos acrescentados.

O SMD foi criado por profissionais de Segurança, cientes de toda a problemática e dificuldades destas profissões, um dos principais objectivos da criação do Sistema é corrigir erros e lacunas na intervenção destes profissionais.

Os treinos serão especiais para os Agentes das Forças e Serviços de Segurança GNR, PSP, Guarda Prisionais, SIS, SIED, SEF, ASAE, PJ, Policias Municipais, Policia Marítima, e Militares das Forças Armadas Portuguesas, concebidos especificamente para cada área, variando os treinos dos operacionais de Operações Especiais, de Intervenção, Patrulha, Transito, Investigação, etc.

Todas as técnicas de defesa policial utilizadas nas operações são analisadas ao pormenor, corrigidos os mínimos erros sempre com o objectivo em mente de alcançarmos a perfeição.

São criadas situações para profissionais de 1ª intervenção, Bombeiros e INEM, procurando ir ao encontro dos problemas que os elementos têm tido.

O SMD também está orientado para o trabalho com profissionais de outras áreas, como a fiscalização de transportes colectivos (metro, comboio, autocarro, etc.), seguranças privados, segurança aeroportuária, tripulações de aviões, condutores profissionais (taxistas, camionistas, etc.).

Login Status

You are not logged in.

Próxima Formação

4º Curso de Formação SMD para Profissionais do Ensino. Sábado 30 junho 2012, em Lisboa.

Newsletter